Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de uma Adulta ao Contrário

Retalhos soltos de uma Mente que não pára !

Desabafos de uma Adulta ao Contrário

Retalhos soltos de uma Mente que não pára !

05.04.21

Sempre que os dias estão muito escuros e mente decide oscilar entre a tempestade e os dias de sol costumo vir para aqui e ficar a olhar as montanhas até o sol se por. Fico apaixonada pela imensidão e beleza deste lugar e a cima de tudo pela energia e paz que estes factores, agregados, me transmitem.

Nesse compasso acontecem comboios de pensamentos, duvidas, incertezas, alegrias, saudades e  muita angustia por não saber o lugar onde comboio vai parar. Mas existe uma coisa que me acompanha a viagem toda, e me faz sorrir e serve como refúgio para  toda a agitação dos passageiros que se levantam, os que entram, os que desembarcam.  Falo da gratidão.  

Existem muitas coisas que ficaram um bocadinho a baixo do que especulei, outras que nem sequer consegui realizar mas a verdade é que tenho tantas outras que me enchem de alegria, amor e coragem para combater os dias cinzentos.  este lugar é uma delas. Por isso, não existe motivos para lamentações e para baixar os braços. 

Devemos ouvir os nossos pensamentos, segurar as nossas incertezas e passear com as nossas inseguranças, mas nunca devemos deixar que elas nos guiem ou sejam mais velozes que nós; Se formos nós a tirar partido delas no fim teremos aprendido a lidar com o que nos faz mal e a arranjar ferramentas que nos permitam superar e ficar pessoas mais ricas e fortes; Caso contraio entramos numa nuvem cinzenta que já mais nos deixará ver o sol. Daí a importância de  saber aceitar fraquezas, medos, angustias para que não tenhamos que fugir delas , mas sim, arranjar ferramentas para que sejam elas a ter que ir embora.

Espero que todos consigam arranjar o "seu refúgio" e que os dias de nuvens, pelo menos as cerradas, sejam menores que os dias de sol e luz revigorante e esperançosa.

Boa noite!

30.11.20

1606778632077_Easy-Resize.com.jpg

Adoro fotografar. Por norma os sítios escolhidos são edifícios abandonados porque de certa forma , para mim, tem algo para contar e permitem-me ficar a imaginar tudo o que lá terá acontecido. Todos os segredos que teriam sido contados a lareira, todas as juras de amor feitas a janela enquanto a chuva caia e quantas crianças felizes não teriam inundado aquele espaço de alegria. 

Outra das coisas que gosto muito de fotografar é a natureza e o céu. Na minha opinião a natureza dá-nos a possibilidade de conseguir "as pinturas" mais bonitas e mais pormenorizadas que algumas vez os olhos alcançaram. Tal como este magnifico céu.

Tirei esta fotografia enquanto fazia uma longa viagem... Tive a possibilidade de tirar fotografias, organizar as ideias e contemplar tudo o que estava à minha volta.

Quando cheguei estava cheia de boa energia e com as ideias no lugar. Esta viagem deu-me a possibilidade de entender que por muito longa que seja a estrada e por muitas curvas que tenha leva-nos sempre a um lugar seguro e que por mais nuvens que o céu tenha não são sinonimo de fúria e descontentamento. Se não vejamos esta fotografia... Este céu, para mim, é das pinturas mais bonitas e harmoniosas que já vi. Toda ela me transmite calma e leveza e a certeza que também nós podemos ser independentes e desamarrados como estas nuvens.

Boa noite!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub